Há especulações circulando pelas mídias sociais alegando que as transferências via Pix realizadas por pessoas físicas serão taxadas a partir deste domingo (7).

Banco Central anuncia cobrança de Transferências via Pix? Saiba a verdade

No entanto, o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, desmentiu essa informação durante uma sessão no Senado Federal.

De acordo com Campos Neto, o BC tem solicitado aos bancos uma abordagem mais rigorosa na abertura de novas contas, visando evitar a criação de “contas laranjas” e, assim, combater fraudes e golpes relacionados ao sistema de pagamento instantâneo. No entanto, ele negou categoricamente que haverá taxação nas transferências.

É importante ressaltar que as instituições financeiras têm a liberdade de adotar políticas próprias de tarifas para transações envolvendo pessoas jurídicas. Portanto, os usuários devem verificar as condições específicas em seus respectivos bancos.

Além disso, o presidente do Banco Central enfatizou que a implementação de medidas mais rigorosas na abertura de contas tem como objetivo fortalecer a segurança do sistema financeiro como um todo.

A iniciativa visa proteger os usuários contra atividades fraudulentas, garantindo um ambiente mais confiável e transparente para as transações realizadas por meio do Pix.

Assim, a mensagem clara é que, apesar dos esforços para aprimorar a segurança, não há planos para onerar os usuários com taxas nas transferências entre pessoas físicas via Pix. Portanto, é essencial ficar atento às informações oficiais e desconsiderar boatos infundados que possam gerar preocupações desnecessárias.

Avalie o nosso artigo, você gostou?

Clique nas estrelas para nos avaliar!

Avaliação média 4.9 / 5. Votos: 84

No votes so far! Be the first to rate this post.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *